Os Detetives do Prédio Azul são confrontados com o maior caso de suas vidas: salvar o próprio edifício da destruição. Pippo (Pedro Henrique Motta), Sol (Letícia Braga) e Bento (Anderson Lima) se infiltram na festa de Dona Leocádia (Tamara Taxman), a terrível síndica que é, literalmente, uma bruxa. Lá eles presenciam um crime “mágico”, que condena o Prédio Azul a uma demolição de emergência. Para completar, a única testemunha – o quadro falante da Vó Berta (Suely Franco) – desaparece, e Dona Leocádia é enfeitiçada para ficar boazinha. Para resolver esse caso, os detetives vão contar com a ajuda do porteiro Severino (Ronaldo Reis), que empresta sua Kombi azul novinha para ser a sede de investigação. A aventura fica completa quando Tom (Caio Manhente), Mila (Letícia Pedro) e Capim (Cauê Campos), fundadores do clubinho original, são trazidos de volta ao Rio de Janeiro para ajudar no caso.

Resultado de imagem para dpa filme

Como dizem “Nada se cria, tudo se copia”, a história é super interessante, prende o público alvo, tem crianças talentosas atuando, mas para as novas gerações o enredo pode até ser inovador, porém para o público adulto fica evidente a mistura de Castelo Rá-Tim-Bum com Harry Potter. Vamos as análises das pequenas “coincidências”:

Bruxa chefe de tudo, que parece malvada, com longa cabeleira e com objetos que falam.

Bruxo inventor, criativo e com roupas que remetem antigos séculos.

Três crianças curiosas e inteligentes.

Animais falantes.

Impostor que se fantasia para se infiltrar onde não pode.

Porteiro que ajuda as crianças.

E as referências continuam, na qual o adulto percebe rapidamente, mas a criança encara como novidade. Há toda uma pureza, leveza e encantamento ao assistir, talvez uma nostalgia.

Resultado de imagem para dpa filme

Destaque para as cenas do submarino, que em parceria com a Marinha usaram um original, o que trouxe muito realismo e adrenalina para o longa.

A história é divertido, agrada pelo capricho na execução, tem um ritmo bom e músicas empolgantes. O elenco apresenta boa atuação e com grandes participações.

Certamente na continuação, já confirmada, a criatividade e a experiência para as telonas crescerão e o resultado será um trabalho mais primoroso.

Nota: 8,0

Trailer: