Resumo: Durante a década de 1990, o governo de Cuba decidiu instalar um grupo de espiões em plena Flórida, no intuito de combater movimentos instalados no local, que buscavam desestabilizar o país com o objetivo de derrubar Fidel Castro.


Atores:
Filme com grande elenco, com diversas personalidades de várias nacionalidades. Nomes como: Penélope Cruz, Édgar Ramírez, Wagner Moura, Gael García Bernal e Leonardo Sbaraglia. O maior destaque do filme fica para a impecável atuação de Édgar Ramírez, que brinca com o telespectador em relação a personalidade do seu personagem.


Trilha sonora:
Marcada por músicas de várias nacionalidades que dão um charme a mais para a história, porém nenhuma música se destaca para virar um marco do longa.


Ritmo:
Apesar de longo, o ritmo do filme se desenvolve bem, pois há diversos núcleos que não se conversam em si a princípio. A história vai se desenvolvendo de forma interessante e leve, trabalhando em cada cena um núcleo.

Fotografia/arte: Paleta de cores quentes e fotografia com texturas variadas mostram os contrastes entre os EUA e Cuba.

Vale a pena assistir? Sim, principalmente para quem gosta de História e acompanhou na época o caso dos espiões cubanos. Interessante que o filme não toma partido e deixa o espectador fazer isso.

Nota: 8,0.

Trailer: