Disponível na Netflix

Sinopse: Augustine (George Clooney), um solitário cientista no Ártico que tenta impedir que Sully (Felicity Jones) e seus colegas astronautas voltem para casa em meio a uma misteriosa catástrofe mundial.

Vale a pena assistir ao filme? Sim. Não é ruim, mas eu esperava bem mais. Não entrarei no mérito de comparar o livro com o filme, até porque não li a obra original. Não existe um problema central a ser resolvido, há muitos detalhes sem nenhuma explicação e o ritmo do filme peca e se arrasta em muitos momentos. Em meio a uma pandemia achei o longa bem pertinente ao momento em que todos estamos vivendo. Não há muita ação, porém há muita reflexão.

Nota: 7,0.