Disponível na Netflix

Sinopse: Marie sempre enfrentou preconceito em conseguir apoio para suas experiências cientificas por ser mulher. Ao conhecer Pierre Curie, ela logo se surpreende pelo fato dele conhecer seu trabalho e juntos descobrem dois novos elementos químicos, rádio e polônio, que dão início ao uso da radioatividade. 

Vale a pena assistir ao filme? Sim. Uma cinebiografia que explora as dificuldades da mulher diante de uma sociedade patriarcal, misógina e xenófoba. O filme é super relevante para entender a importância da Ciência para a humanidade no decorrer dos anos. Apesar do seu ritmo cansativo, as atuações são a grande cereja do bolo.

Nota: 7,0.